Polícia
06/03/2017 - 19h23

SSP diminui valor da recompensa por informações sobre paradeiro do "Maníaco da Peruca"




A Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo diminuiu o valor da recompensa pelo paradeiro do dentista Flávio do Nascimento Graça, de 38 anos. Ele é procurado por ser suspeito de matar os sócios da Clínica Americana e de ter ferido uma funcionária da mesma empresa em ataques que tiveram início em dezembro de 2014. Os crimes aconteceram em Santos.
 
Conhecido como o “Maníaco da Peruca”, o dentista teria planejado os crimes em razão de a clínica concorrente supostamente ter provocado a sua falência. Por causa disso, a SSP havia fixado em R$ 50 mil a recompensa por informações do suspeito. Porém, o valor foi reduzido e o prêmio caiu para R$ 30 mil. A decisão teria como base a Resolução 34/2017, de 23 de fevereiro deste ano.
 
A polícia informa que caso alguém tenha informações sobre o suspeito, que entre em contato pelo número do disque denúncia, 181. Não é preciso se identificar.
 
O caso
 
O primeiro ataque aos donos da clínica aconteceu em 23 de dezembro de 2014, na unidade do Gonzaga. Um dos proprietários Agilson Correa de Carvalho, de 54 anos, foi atingido por dois tiros, e morreu três dias depois. Já em 15 de julho de 2015, Aldacy Corrê de Carvalho, de 55 anos, morreu após ser atingida com um tiro nas costas, quando saia de uma agência bancária na rua João Pessoa, no Centro.
 
No mesmo dia, Arnaldo Correa de Carvalho foi atingido no rosto, e um sobrinho foi baleado por tiros de raspão na rua João Pessoa. No dia 23 de setembro de 2015, a funcionária da empresa Sônia Christina Mattos de Saboya Andrade, de 40 anos, foi baleada com cinco tiros pelo mesmo homem. Ela deixava a bicicleta na rua Marcílio Dias, no Gonzaga, próximo a clínica. Ela resistiu aos ferimentos.
 
 
FalaSantos 
 

Comentários (0)


Fala Santos
E-mail: contato@falasantos.com.br
© 2010 Fala Santos. Todos os direitos reservados. site criado por