Esportes
17/05/2017 - 09h13

Aulas de Judô no Caruara atendem mais de 80 jovens e revelam talentos


Muito mais do que educar, melhorar a saúde e promover a interação, o esporte é uma ferramenta para revelar talentos. E é exatemente o que está acontecendo na escola de judô da Secretaria de Esportes, no Caruara. As aulas atendem 85 alunos. Desses, 30 já são federados e têm obtido destaque com títulos e medalhas em copas Regionais e no Campeonato Paulista.
 
Emanuella Ribeiro, com apenas 15 anos, conquistou o terceiro lugar no Meeting Interestadual de Santa Catarina, em 2016. Também é bicampeã Paulista e da Copa São Paulo e tricampeã da Regional e Estadual. “Gostava muito de ficar na rua, mas como meu irmão estava nas aulas e viajava para competir, achei legal e resolvi começar. No início não tive bons resultados, mas isso me motivou a treinar mais e crescer no judô”.
 
A adolescente já tem planos para o futuro. “Pretendo ser faixa preta e ajudar os menores a entender que é bom praticar um esporte. Agradeço ao professor Tony Silva, que me ajudou muito e está sempre ao meu lado me motivando”.
 
De aluno a professor
 
Outro exemplo da escola de judô é David Walker, de 18 anos. “O judô mudou muita coisa na minha vida. Eu só queria saber de ficar na rua, mas passei a ter algo para me ocupar e tudo melhorou”.
 
Além das muitas conquistas no tatame, o faixa roxa tem um motivo a mais para comemorar: hoje é professor no Projeto Mais Educação, realizado na Escola Municipal Judoca Ricardo Sampaio, em Caruara.
 
“Ser aluno é uma coisa, professor é outra. A responsabilidade é maior. Sei que eles vão se espelhar em mim como faço com o meu professor. Pretendo fazer faculdade de Educação Física e ter um futuro melhor”. David dá aulas com supervisão do professor Tony.
 
Bons resultados incentivam os jovens
 
Os bons resultados dos alunos de judô servem de incentivo, principalmente para os mais jovens. “Gosto de fazer as aulas e de estar com os amigos. É muito legal poder disputar campeonatos e ganhar medalhas”, diz Paulo Ricardo Eller, que tem 9 anos.
 
Já Yasmim Barros, 12 anos, conseguiu mais que o objetivo inicial. “Comecei para perder peso. Consegui rapidamente. Viajei para competir, venci competições e conquistei medalhas. Isso é muito legal”.
 
Segundo o professor de judô Tony Silva, o principal objetivo é sempre o de tirar as crianças da rua, evitando contato com as drogas. “Mas além de trazê-las para o judô, estamos conseguindo grandes resultados”.
 
Serviço
 
Inscrições: a partir de cinco anos
Documentos: RG e comprovante de residência, duas fotos e atestado médico atualizado
Local: Núcleo Escola Total Endereço: Rua Xavante, 35, Caruara
Aulas: segundas, quartas e sextas das 18h às 21h
 
 
Da Redação
 

Comentários (0)


Fala Santos
E-mail: contato@falasantos.com.br
© 2010 Fala Santos. Todos os direitos reservados. site criado por