Política
10/07/2017 - 05h35

Mansur diz que declaração de Tasso é um “desserviço”




A base aliada do governo Temer está esfacelando há algum tempo. Com o aprofundamento da crise, eles já não conseguem se entender nos bastidores, muito menos em público. Isso porque a declaração feita pelo senador e presidente do PSDB, Tasso Jereissati (CE), de que o Brasil “caminha para a ingovernabilidade” foi classificada pelo vice-líder do governo na Câmara, Beto Mansur (PRB-SP) como um “desserviço à nação”.
 
“Acho que a gente tem uma crise, e o Tasso fazendo um comentário desses como presidente interino do PSDB – com o partido fazendo parte do governo, com quatro ministérios – eu, particularmente, acho que é um desserviço à nação. A opinião dele é a opinião dele, mas eu acho que é errado”, criticou. “Só acho que o Tasso, como presidente interino do partido, fazer um comentário desse participando do governo, é um absurdo”, completou.
 
Dando uma de desentendido, Mansur disse não ter certeza se afirmação externada por Tasso reflete o pensamento da bancada e de dirigentes tucanos como o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, o prefeito de São Paulo, João Doria, e do senador Aécio Neves (MG). A citação dessas lideranças tucanas não foi por acaso, pois dentro do PSDB ele ainda defendem uma saída para manter Temer, como forma de garantir a agenda de reformas.
 
Mansur aproveitou para fazer elogios ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que é cogitado por alguns setores da base aliada como alternativa, caso a Câmara aceite a denúncia contra Temer por corrupção passiva e este seja afastado.
 
“Rodrigo Maia é um bom parlamentar, mas acho que a gente tem presidente da República e temos que respeitar a Constituição. Este é até o sentimento do Rodrigo”, destacou. “Isso pode ser um comentário aqui ou ali de quem está contra o governo do Michel, mas sinto que temos de respeitar a Constituição. Tem uma denúncia e ele [Michel Temer] tem todo o direito de se defender”, disse.
 
 
Vermelho Portal
 

Comentários (0)


Fala Santos
E-mail: contato@falasantos.com.br
© 2010 Fala Santos. Todos os direitos reservados. site criado por