Trabalho
10/08/2017 - 05h30

Desempregados protestam em Cubatão




Mais de três mil desempregados se reuniram em frente à Prefeitura de Cubatão para cobrar respostas do prefeito e vereadores. Segundo Ronaldo Pereira Delgado, da Comissão de Desempregados da Baixada, foi apresentado um documento com pedido de incentivo a geração de empregos, fiscalização e ajuda ao desempregado, mas sem retorno do prefeito e dos vereadores.
 
Entre as reivindicações estão a criação de frente de trabalho, cursos de qualificação, construção do Bom Prato, criação de um Conselho Municipal de Emprego, passe livre para os desempregados, IPTU com desconto para o bom empreendedor, pacto para o emprego entre outros.
 
De acordo com Delgado, há 13 mil desempregados na Cidade que estão passando por necessidades. Mais de 150 cestas básicas são distribuídas por mês com a ajuda de trabalhadores e empresas.
 
Em nota, a Prefeitura informa que desde janeiro, desenvolve ações objetivas, dentro de sua área de competência, para minimizar as consequências do problema do desemprego em Cubatão, decorrente da crise econômica por que passa o País.
 
Entre elas, a mais importante é a reestruturação do Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) e que tem mantido aberto o canal de diálogo com as lideranças dos desempregados do Município.
 
O município também conta com legislação destinada a incentivar a contratação de trabalhadores locais e a fomentar sua requalificação profissional.
 
Já a Câmara de Cubatão diz estar atenta a situação dos trabalhadores. No começo do ano foi criada a Comissão Especial de Vereadores (CEV) para discutir medidas para combater o desemprego no município.
 
A CEV cobrou do Executivo transparência no processo de contratação no Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT). O Legislativo também solicitou que a Prefeitura atue firmemente na fiscalização de alojamentos clandestinos, que abrigam trabalhadores de fora da cidade.
 
 
Da Redação
 

Comentários (0)


Fala Santos
E-mail: contato@falasantos.com.br
© 2010 Fala Santos. Todos os direitos reservados. site criado por