Polícia
15/02/2018 - 02h42

Polícia russa recorre a exorcista para resolver emergência


Após um pedido de ajuda dos moradores, agentes da polícia regional de Tomsk, na Rússia, chamaram um exorcista para tentar resolver um caso de "objetos voadores" dentro da residência em Maraksa, informa a mídia local.
 
De acordo com o relatório policial, que foi confirmado pelo Ministério do Interior local, os próprios agentes "viram objetos voadores", com "livros que caíram" de estantes e uma "faca que voou na parede da cozinha".
 
"Um guarda-roupa caiu no quarto (próximo a um dos agentes) na presença da polícia. Mais tarde, livros caíram das prateleiras e um bastão voou em uma sala desocupada. Não foi encontrada nenhuma explicação racional sobre os eventos especificados", diz o relatório escrito pelos policiais.
 
Na casa moram três pessoas, que não tiveram a identidade revelada, mas que estavam "sofrendo" há dias com o problema. O sacerdote convocado pelos policiais afirmou que o "poltergeist" - um evento paranormal com fenômenos físicos - está ocorrendo porque os moradores "praticam rituais pagãos".
 
"O chamado 'poltergeist' acalmou um pouco depois da chegada do padre, mas os fenômenos ainda não cessaram", informou o secretário da diocese local, Simeon Koinov, à agência de notícias russas "Sputnik".
 
 
ANSA
 

Comentários (0)


Fala Santos
E-mail: contato@falasantos.com.br
© 2010 Fala Santos. Todos os direitos reservados. site criado por