Mundo
09/03/2018 - 10h15

Carta de 132 anos é encontrada dentro de garrafa na Austrália


Uma família encontrou um bilhete dentro de uma garrafa de gim em uma praia no sudoeste da Austrália, informou nesta terça (6) a imprensa local.
 
A mensagem engarrafada é a mais antiga que se conhece no mundo até o momento, superando outra de 108 anos, que foi registrada no Guinness, livro dos recordes.
 
A fotógrafa Tony Illman encontrou a garrafa quando caminhava com a sua família, na ilha de Wedge, aproximadamente 180 quilômetros ao norte da cidade de Perth, oeste da Austrália.
 
"Levamos para casa e quando abrimos tinha algo escrito à mão em alemão", contou Illman. Seu marido, Kym Illman, ainda disse que "não tinham ideia" do que se tratava.
 
A mensagem era assinada com a data de 12 de junho de 1886 e tudo indicava que a garrafa havia sido lançada pelo navio Paula, quando este passava pela Austrália.
 
Os especialistas, ao receberem a carta, confirmaram que era uma autêntica mensagem do navio alemão e teria sido descartada como parte de um experimento sobre o oceano e rotas marítimas do Observatório Nacional Alemão.
 
O curador-assistente de arqueologia marítima no WA Museum, Ross Anderson, confirmou que o bilhete achado pela fotógrafa era verdadeiro depois que consultou alguns colegas da Alemanha e Holanda.
 
"Incrivelmente, uma pesquisa de arquivo na Alemanha encontrou o diário meteorológico original do navio Paula e havia uma anotação para o 12 de junho de 1886 feita pelo capitão, registrando uma garrafa que havia sido jogada ao mar", destacou Anderson.
 
"A data e as coordenadas correspondem exatamente à mensagem da garrafa", acrescentou, ressaltando que a caligrafia no diário do arquivo e data que constava no bilhete foram analisadas e elas correspondiam entre si.
 
Várias garrafas foram jogadas ao mar durante os anos de experiência alemã, mas até os dias de hoje apenas 662 foram devolvidas. A última mensagem encontrada foi na Dinamarca, em 1934.
 
 
Ansa
 

Comentários (0)


Fala Santos
E-mail: contato@falasantos.com.br
© 2010 Fala Santos. Todos os direitos reservados. site criado por