Saúde
14/12/2018 - 04h10

Meta 30: novo contrato amplia atendimento e prevê até 2,5 mil cirurgias de catarata


Os primeiros 38 pacientes da rede municipal de saúde com indicação de cirurgia de catarata passarão pelo procedimento nesta sexta (14) e sábado (15) no Hospital de Olhos Grottone, vencedor do pregão eletrônico realizado pela Prefeitura.
 
O novo prestador da área de oftalmologia do programa Meta 30, programa que visa reduzir a espera pelos serviços de especialidades, realizará até 2.500 cirurgias de catarata – quase três vezes mais do que o realizado no contrato anterior.
 
O hospital tem mais de 30 anos de atuação e firmou ata de registro de preços com a Secretaria de Saúde (SMS) que prevê, ao todo, até 3.950 procedimentos, 5.000 consultas e 29.900 exames no período de 12 meses. O contrato pode atingir valor de até R$ 2,5 milhões, de acordo com a realização dos serviços.
 
A economia total foi de R$ 135 mil em relação ao valor total previsto antes do pregão (R$ 2,7 milhões). Os valores da disputa tiveram como referência a tabela do Sistema Único de Saúde (SUS), com alguns itens abaixo do estimado. Cada cirurgia de catarata, por exemplo, tem valor de R$ 771,60 na tabela SUS, mas custará R$ 733,28 ao Município.
 
Os pacientes beneficiados com a nova parceria são aqueles que estão na lista de espera dos Ambulatórios de Especialidades (Ambesp) da Região Central Histórica e da Zona Noroeste. Os casos cirúrgicos serão encaminhados à unidade do Hospital de Olhos Grottone no bairro do Boqueirão com exames de hemograma e de TAP (avalia a coagulação sanguínea) já realizados, os quais atestam as boas condições para a cirurgia. No hospital, os munícipes passarão por consultas e exames oftalmológicos pré-operatórios.
 
“Esta nova parceria irá nos ajudar a zerar a fila de espera e a atender aos novos pedidos médicos dentro do prazo de 30 dias como prevê o programa Meta 30. Com ela, ofereceremos um serviço rápido e de ponta aos pacientes do SUS, no mesmo padrão dos serviços particulares e dos planos de saúde”, destaca o secretário de Saúde, Fábio Ferraz.
 
“O hospital oferece toda a sua qualidade e, junto com a Prefeitura, cumpre com o seu papel social atendendo os munícipes”, complementa o diretor cirúrgico do Hospital de Olhos Grottone, o oftalmologista Gustavo Grottone.
 
APROVAÇÃO
 
No final de outubro do ano passado, a SMS firmou ata de registro de preços com outra clínica particular da Cidade, cujo contrato expirou em outubro. Antes da parceria inédita, a lista de espera da cirurgia de catarata tinha 1.200 pacientes.
 
“Fiz a cirurgia de catarata no olho direito em janeiro deste ano e, no mês seguinte, a do olho esquerdo. Fui muito bem atendida e minha visão está excelente. Não preciso mais usar óculos para longe nem para perto e agora trabalho no computador sem nenhum incômodo”, conta a auxiliar administrativa Suzana Forjaz Ramos, 62 anos, moradora da Vila Belmiro, uma das beneficiadas pelo Meta 30.
 
No período de 12 meses deste contrato foram realizadas 870 cirurgias de catarata em 553 pacientes, o que reduziu a fila de espera pela metade. Com os novos pedidos médicos, atualmente há 803 pacientes da rede municipal com indicação da cirurgia de catarata.
 
Saiba mais
 
• Exames: até 29.900 exames em 12 meses - paquimetria ultrassônica (5.000), campimetria computadorizada (1.300), curva diária de pressão ocular (2.500), gonioscopia (600), mapeamento de retina (4.250), microscopia especular de córnea (4.250), potencial de acuidade visual (1.500), biometria ultrassônica (4.250), retinografia colorida (650), retinografia (600), tonometria (600), topografia computadorizada de córnea (4.250), ultrassonografia de globo ocular/órbita (150)
 
• Consultas (pré e pós-operatório): até 5.000 em 12 meses.
 
• Procedimentos: até 3.950 em 12 meses – cirurgias de catarata (2.500), capsulotomia a yag laser (300), iridotomia a laser (150) e fotocoagulação a laser (1.000)
 
 
Da Redação
 

Comentários (0)


Fala Santos
E-mail: contato@falasantos.com.br
© 2010 Fala Santos. Todos os direitos reservados. site criado por