Geral
06/06/2019 - 07h59

Sorte em dobro: sobrevivente de acidente aéreo ganha na loteria


Se existe uma pessoa que pode comemorar a sorte grande, esse alguém é Mohammad Basheer Abdul Khadar, que além de sobreviver a um acidente de avião, recebeu um prêmio milionário na loteria, apenas uma semana depois do acidente que poderia ter tirado a sua vida. Isso que podemos chamar de sorte!
 
O prêmio, de quase R$ 4 milhões, mudou a vida do corretor, que pode auxiliar seus familiares e utilizar a oportunidade para transformar a realidade de várias pessoas. A história inusitada ocorreu em Dubai, e fez com que ele fosse conhecido como o homem mais sortudo do mundo. Quer saber mais sobre como tudo aconteceu? Fique conosco e descubra!
 
Como aconteceu o acidente?
 
Mohamad era um viajante comum de um voo da Emirates Airlines. Morando na Índia e trabalhando em Dubai, ele costumava realizar essa viagem frequentemente nos 37 anos que antecederam o acidente.
 
O fato, que ocorreu em agosto de 2016, mudou completamente a vida de Mohammad. Ele, que já havia considerado se aposentar no ano anterior, havia decidido adiar a aposentadoria a pedido de seus chefes e a cada viagem de trabalho adquiria um bilhete da loteria.
 
Em 3 de agosto de 2016 ele fez como o costume: dirigiu-se ao aeroporto, adquiriu um bilhete em uma banca e embarcou rumo a Dubai. Durante o pouso, um problema fez com que o avião derrapasse e explodisse logo após o resgate de todos os passageiros.
 
Apenas a sorte pode justificar o salvamento dos mais de 300 passageiros e tripulantes, que apesar do susto e das perdas materiais, não sofreram nada além do trauma de ver de perto a explosão, afinal, poucos minutos após o resgate do último passageiro a aeronave explodiu.
 
E ele era uma pessoa de sorte?
 
Antes do surto de sorte com o acidente, Mohammad levava uma vida normal e não tinha hábito de participar de jogos, sequer de competições casuais, como bingos online ou caça-níqueis. O único tipo de aposta que costumava realizar era na loteria, e apenas em seu embarque em viagens. 
 
Apesar de ser um hábito comum, Mohammad não costumava dar muito atenção aos lances feitos na loteria dos aeroportos que visitava, afinal, além da sorte de sua rotina, ele não se considerava como alguém extremamente sortudo, já que apesar das jogadas regulares, ele não havia acumulado nenhum prêmio.
 
Porém, com a virada do destino, Mohammad certamente deve ter repensado suas jogadas,  não se pode dizer que ele não é uma pessoa de sorte, não é mesmo? A partir da vitória na loteria, Mohammad teve a oportunidade de transformar sua vida e de várias outras pessoas.
 
O que Mohammad decidiu fazer com o prêmio?
 
Diferente do que ocorre comumente no Brasil, onde muitos contemplados deixam de resgatar seus prêmios ou optam pelo anonimato; havendo, inclusive, casos em que a Caixa Econômica Federal optou por preservar o sigilo do premiado em seus jogos, Mohammad decidiu tornar a sua história pública, estimulando assim outros jogadores a continuarem investindo nas loterias.
 
Depois de resgatar seu prêmio, ele resolveu compartilhar a sua sorte com pessoas carentes, e diferente do que muitos esperavam, ele não abriu mão do prêmio em dinheiro, recebendo-o para realizar ações beneficentes e campanhas para auxiliar pessoas que precisam.
 
Além da ajuda a pessoas necessitadas, parte do prêmio foi utilizado por Mohammad para oferecer melhores condições de vida para a sua família, assim como tomou a decisão sobre a sua aposentadoria, já que com a premiação ele pode ter condições de garantir ganhos extras. 
 
O fato é que sua sorte pode ser considerada algo único: se não bastasse o prêmio, ele ainda teve a oportunidade de escapar ileso de um acidente aéreo. Não é todo dia que podemos dizer que tivemos uma nova chance de viver como Mohammad teve. 
 
 
Jornal da Orla
 

Comentários (0)


Fala Santos
E-mail: contato@falasantos.com.br
© 2010 Fala Santos. Todos os direitos reservados. site criado por