Turismo
06/11/2019 - 03h03

Chegada do calor começa a atrair turistas ao Guarujá


Cidade aprimorou infraestrutura urbana para receber visitantes no verão e conquistou a melhor classificação no Mapa do Turismo Brasileiro
 
 
Com a chegada da primavera e a proximidade da temporada de verão, o número de turistas vem crescendo aos finais de semana em Guarujá. É o que atestam hoteleiros, comerciantes e demais entes que compõem o trade turístico da cidade. Desde a chegada da primavera, basta andar pelas ruas e praias de Guarujá para perceber que, à medida em que os termômetros registram aumento da temperatura, sobe também o número de visitantes.
 
Mas não é só o sol que está colaborando. Guarujá vem investindo maciçamente, em diversas frentes, para aprimorar a infraestrutura tanto para moradores quanto para turistas. Exemplo disso são os constantes investimentos em Segurança Pública.
 
Presidente da APROHOT – Associação dos Proprietários de Meios de Hospedagem de Guarujá, José de Ávila, já constatou melhora no movimento da hotelaria neste ano, em comparação com anos anteriores. “Estamos muito felizes com a preocupação da Administração atual em armar e aumentar o efetivo da Guarda Civil Municipal de Guarujá. Não existe turismo de sucesso sem segurança,” destacou.
 
Presidente do Visite Guarujá Maria Laudenir de Oliveira também já notou uma crescente na procura por hospedagens. “Às sextas, os hotéis e pousadas atingem de 50% a 60% de reservas. Aos sábados, chegamos a 70% ou 80%. Isso aumenta nossas expectativas para a próxima temporada”, aposta.
 
Investimentos
 
No verão 2018/2019, Guarujá chegou a receber dois milhões de visitantes no pico da temporada – entre os últimos dias de dezembro e início de janeiro. Para o próximo verão, turistas e munícipes poderão contar com mais de 100 Guardas Civis Municipais (GCMs) treinados e habilitados ao uso de arma de fogo no patrulhamento das vias e próprios públicos. Outra novidade é a iluminação ornamental das principais avenidas da cidade e das praias do Tombo, Astúrias, Pitangueiras e Enseada, com lâmpadas de LED, que iluminam mais e consomem menos energia.
 
Na praia de Pitangueiras, um novo posto de salvamento foi instalado para reforçar o monitoramento dos banhistas. A prefeitura também investiu em obras que impactam o turismo e a economia locais, como a revitalização do Mirante da Campina, entregue em junho e que rapidamente se tornou uma das principais atrações da cidade.
 
Aos fins de semana, o projeto “Música no Mirante” é um atrativo, quando instrumentistas da Orquestra Municipal se apresentam no local ao pôr do sol. Do Mirante, a 40 metros de altura, pode-se contemplar toda a praia da Enseada, a mais extensa de Guarujá, com quase seis metros de faixa de areia.
 
É na orla da Enseada que está, também, a nova Praça Horácio Lafer, transformada em outra boa opção de diversão para as famílias. Além da retirada das ruínas de um antigo palco de concreto, a praça ganhou infraestrutura, paisagismo, acessibilidade, playground, academia ao ar livre e passou a ser a primeira praça com aparelhos voltados à pessoa com deficiência. Juntos, o Mirante e a Horácio Lafer receberam investimentos de cerca de R$ 3 milhões.
 
Ainda neste verão, um novo Centro de Informações e um Observatório Turístico serão instalados no antigo Píer da Gávea – localizado na Alameda Marechal Floriano Peixoto, em Pitangueiras, que foi repassado ao Município pela Superintendência do Patrimônio da União do Estado de São Paulo (SPU).
 
Mais expectativas
 
Sócia proprietária do Grand Hotel Guarujá, Nalva Lima também constatou a melhora da imagem da cidade na perspectiva de turistas e moradores. “Estamos otimistas com a temporada 2019/2020, justamente pelas ações e investimentos em infraestrutura e eventos, como o Festival de Balonismo, na baixa temporada,” ressaltou.
 
Vendedora há seis anos na loja Nice Biquínis, em Pitangueiras, Valquíria Damasceno espera que a próxima temporada seja a melhor desde 2015. Ela enxerga um movimento crescente a cada verão: “Incrementar a exploração do turismo, trazendo opções de entretenimento e administrando o movimento da cidade, é muito importante. Isso afeta diretamente na geração de empregos e renda para os moradores,” destacou.
 
O empresário Bruno Rodrigues, do hostel, escola de surf e bar Curvão Surf House, na praia da Enseada, tem a mesma visão. Recentemente, ele ampliou seu estabelecimento e vem trabalhando com nichos de mercado crescentes na região, como os universitários, devido à chegada de dois cursos de Medicina no município. Temos tido muita receptividade desse público, que é exigente e gosta de espaços com a sua cara," salientou.
 
Explorando outros segmentos turísticos
 
Outros segmentos turísticos também são explorados em Guarujá, como o cultural, religioso e o histórico. Em recente reunião, prefeitura e Exército Brasileiro discutiram a exploração do Forte dos Andradas, da Fortaleza da Barra Grande e das ruínas do Forte São Felipe como atrações turísticas.
 
Os avanços ambientais também são notórios, o que garante mais segurança no usufruto das praias. Recentemente, o jundu, vegetação costeira rara em praias urbanas, voltou a florescer na praia da Enseada. Além disso, em 2019, pela 10° vez consecutiva, a praia do Tombo recebeu o selo de qualidade “Bandeira Azul” - título socioambiental internacional. É a única praia paulista com a certificação e há mais tempo premiada na América do Sul.
 
Os festivais de teatro, dança, literatura e música são possibilidades para visitantes que procuram atividades culturais com valores acessíveis. O turismo religioso também é destaque na cidade, com iniciativas como a Festa de Iemanjá, que contou com a presença da cantora Leci Brandão, e a Marcha para Jesus – que teve como atração a cantora gospel Aline Barros. Cada evento  atraiu cerca de 15 mil pessoas em 2019.
 
 
As carreatas iluminadas são outra novidade que aos poucos vão se tornando tradição em Guarujá. Nos últimos Natal e Páscoa, moradores e visitantes de todas as idades se encantaram com carros alegóricos, diversos personagens típicos e decorações temáticas.
 
Mapa de Turismo Brasileiro
 
No final de agosto, Guarujá foi classificada na categoria ‘A’ no Mapa de Turismo Brasileiro. A classificação, do Ministério do Turismo, é um instrumento de acompanhamento do desempenho das economias turísticas locais. Ele subsidia a priorização de investimentos por programas do Ministério, incluindo ações de infraestrutura turística, promoção dos destinos e qualificação profissional.
 
 
Da Redação
 

Comentários (0)


Fala Santos
E-mail: contato@falasantos.com.br
© 2010 Fala Santos. Todos os direitos reservados. site criado por