Economia
02/06/2020 - 08h19

Retomada econômica em Santos depende de apoio da população


A Baixada Santista conquistou, na semana passada, junto ao governo do Estado, a reclassificação da zona vermelha para a laranja dentro dos critérios estabelecidos no Plano São Paulo de reabertura econômica. A tendência de retomada dos negócios, no entanto, pode avançar ou regredir de acordo com os números mais recentes, sempre baseados nos últimos 14 dias. O momento em Santos ainda é de ir às ruas somente em caso de necessidade. Se for preciso, deve-se sair somente de máscara e respeitar medidas como a lavagem frequente das mãos e o uso do álcool em gel. 
 
Mesmo com todos os esforços, com abertura de novos leitos, os números mostram que Santos ainda está muito próxima da zona vermelha. “Precisamos do apoio da população para avançar e não retroceder. Os indicadores de saúde, ou seja, as nossas ações, vão permitir que possamos reabrir gradualmente o comércio. A Prefeitura está fazendo a sua parte. Mas precisamos de todos para que consigamos manter a classificação laranja e conquistar a próxima, que é a amarela”, afirma o prefeito Paulo Alexandre Barbosa. 
 
O vídeo (abaixo da imagem) explica com números como Santos conseguiu a reclassificação, e a necessidade de a população continuar colaborando para a retomada dos negócios em definitivo. 



 
 
Da Redação
 

Comentários (0)


Fala Santos
E-mail: contato@falasantos.com.br
© 2010 Fala Santos. Todos os direitos reservados. site criado por