Cidades
12/08/2020 - 05h00

Praia Grande orienta população sobre obras irregulares


Placas orientam sobre construções irregulares em áreas de preservação ambiental
 
A prefeitura de Praia Grande tem trabalhado de forma intensa para a manutenção de áreas de preservação. Além de uma fiscalização constante coibindo atividades irregulares nestes espaços, a cidade também utilização a informação como arma nesta batalha. Placas estão sendo instaladas para conscientizar e orientar construtores, donos de lotes e pessoas que pretendem comprar um terreno sobre ações irregulares.
 
As novas placas são posicionadas em locais considerados estratégicos no município de acordo com mapeamento realizado. O trabalho é desenvolvido pela equipe da Secretaria de Meio Ambiente (Sema) de Praia Grande.
 
Nas placas constam os seguintes dizeres: ATENÇÃO - ANTES DE CONSTRUIR CONSULTE O MEIO AMBIENTE! SEMA: (13) 3496-5747; ATENÇÃO - ANTES DE COMPRAR UM TERRENO CONSULTE O MEIO AMBIENTE! SEMA: (13) 3496-5747.
 
A Sema já havia iniciado um trabalho de conscientização e cuidados instalando placas de orientação à população sobre o descarte irregular de Resíduos da Construção Civil (RCC) em áreas públicas do Município. Esta ação tem como apoio a distribuição de folders e cartazes.
 
“Nesta nova etapa estamos instalando novas placas com o intuito de orientar os construtores se o terreno que está sendo negociado é legal e se está apto a receber construção, além de outras informações especificas. Orientamos também para que o suposto comprador não caia no golpe de grileiros”, comentou o coordenador da Fiscalização de RCC da Sema, Luciano Mola.
 
Para o titular da secretaria de Meio Ambiente de Praia Grande, Israel Evangelista, a Cidade segue com iniciativas que demonstram uma preocupação com o crescimento desordenado em áreas de preservação. “ Nosso objetivo é melhorar a cada dia. Já temos uma parceria muito grande dos munícipes em relação a denúncia de RCC e agora estamos batalhando para evitar as construções irregulares em locais de preservação e também acabar a pratica errada dos grileiros.
 
Desta forma, evitamos também que pessoas que lutaram tanto para juntar seu dinheiro caiam no golpe e façam aquisição errada e percam seu investimento, pois muitas vezes essa venda se trata de ocupação de área pública”.
 
Dúvidas
 
Munícipes que tiverem duvidas ou precisem de mais esclarecimentos devem entrar e contato pelo telefone: 3496-5747.
 
 
Da Redação
 

Comentários (0)


Fala Santos
E-mail: contato@falasantos.com.br
© 2010 Fala Santos. Todos os direitos reservados. site criado por