Repórter Cidadão
17/11/2011 - 07h01

Feriadão mostrou: Santos precisa de uma nova rodoviária


Diante de tantos novos investimentos anunciados semanalmente para Santos, é preciso colocar em pauta um tema que vem sendo pouco discutido pela sociedade: a necessidade de uma rodoviária mais ampla e moderna. Quem embarcou e desembarcou no terminal nesse último feriadão, especialmente nos horários de maior movimento, certamente se perguntou: como é que a cidade pretende receber tanta gente com instalações tão acanhadas e desconfortáveis?

Na noite chuvosa de terça-feira, dia 15, o trânsito na Praça dos Andradas, por exemplo, estava um caos, apesar dos esforços dos agentes da CET em colocar ordem na bagunça causada por boa parte dos motoristas. Dentro da estação, centenas de passageiros aguardavam seus ônibus, espremidos entre as plataformas e o corredor de acesso aos pontos de embarque. Bancos duros, saguões frios e falta de maiores atrativos completavam o cenário de desconforto.

Para uma cidade que pretende ser sub-sede da Copa do Mundo, consolidar-se na rota de cruzeiros marítimos, ampliar o turismo receptivo e atrair mais e mais eventos e empreendimentos, a rodoviária atual, erguida há mais de 40 anos, é um cartão de visitas nada convidativo.

Resolver o problema não será fácil. Faltam áreas livres, seja no entorno da estação, para uma eventual ampliação, seja em outros pontos, para a construção de uma rodoviária nova. Qual a saída? Ano que vem há eleições municipais e o assunto precisa aparecer no debate, e as propostas, apresentadas de forma clara, objetiva, e serem viáveis. A esperar.


Wagner de Alcântara Aragão

Comentários (0)


Fala Santos
E-mail: contato@falasantos.com.br
© 2010 Fala Santos. Todos os direitos reservados. site criado por