Cultura e Entretenimento
20/07/2013 - 21h55

Travessia da Ponte Pênsil a pé é opção de lazer




Atravessar a Ponte Pênsil a pé é uma das opções de lazer, nos finais de semana, para moradores e turistas em São Vicente. Principal cartão-postal da cidade, a ponte, inaugurada em 1914, está em reforma desde o último dia 10, sendo liberado no local somente o trânsito para pedestres e ciclistas desmontados. 
 
Passeio típico realizado em algumas das mais conhecidas pontes do mundo, como a do Brooklyn, em Nova York, a travessia a pé destes monumentos possibilita aos visitantes apreciar belas paisagens. 
 
Na Ponte Pênsil não é diferente. No local é possível avistar a Baía de São Vicente e o Mar Pequeno, além dos detalhes arquitetônicos da Ponte, construída com ferro e madeira sustentada por cabos de aço. Os visitantes poderão ainda conhecer a plataforma de pesca e lazer, localizada no sopé do Morro dos Barbosas. 
 
Vale ressaltar que mesmo sem tráfego de veículos é importante observar as placas de sinalização referentes às interdições da obra para evitar acidentes. 
 
História - Tombada pelo patrimônio histórico, a Ponte Pênsil foi a primeira do gênero construída no Brasil. Inaugurada em 21 de maio de 1914, a ponte foi erguida sobre o Mar Pequeno, entre o Morro dos Barbosas e Japuí. A idéia da construção surgiu com o engenheiro sanitarista Saturnino de Brito que elaborou a planta de urbanização da cidade de Santos e um plano de esgotos por meio de estações elevatórias. Encomendada à Casa August Klenne, em Dortmund, na Alemanha, o material chegou ao Porto de Santos entre 1911 e 1913.


FalaSantos